Crescimento do PIB na Zona Euro e União Europeia

Publicado:

O terceiro trimestre de 2016 trouxe boas notícias para a comunidade europeia. De acordo com as estimativas lançadas pela Eurostat, houve um crescimento do PIB Produto Interno Bruto na União Europeia.

As informações apontam para um crescimento de 0,4%. A comparação é feita em relação ao trimestre anterior. Ainda comparativamente a este período, o crescimento dos países que partilham a moeda única foi de 0,3%.

Mas as boas notícias não se ficam por aqui. Em comparação com o período homólogo de 2015, os valores subiram 1,9% dentro da União Europeia. Já na zona euro, o crescimento face ao mesmo período do ano anterior foi de 1,7%.

Portugal faz parte dos países com um maior crescimento do PIB. Segundo o gabinete de estatísticas da União Europeia, o nosso país fica em 4º lugar do ranking dos Estados-membros com um maior crescimento do Produto Interno Bruto. Em primeiro lugar está a Croácia, com um crescimento de 1,7%, seguida da Eslovénia com 1%. Tanto com a Grécia como Portugal tiveram um crescimento de 0,85%. Em último lugar fica a Lituânia com um crescimento de apenas 0,1%.

O crescimento do consumo das famílias é a principal evolução do terceiro trimestre. Nos 19 países da moeda única este crescimento foi de 0,3%. Já no espaço da União Europeia, o consumo das famílias aumentou 0,4%.

Tanto na União Europeia como na zona euro, o investimento foi de 0,2% e as exportações 0,1%.

 

Mais indicadores positivos para além do crescimento do PIB

Para além do crescimento do PIB, a União Europeia tem outras razões para festejar. Também se verificou uma subida na taxa de emprego. O número de pessoas empregadas aumentou 0,2% no terceiro trimestre. Este crescimento deu-se tanto na União Europeia como na zona euro.

Já em comparação ao período homólogo, a taxa de emprego subiu 1,2% na zona euro. Na União Europeia o crescimento foi de 1,1%.

Pesquisar